Fórum de Desenvolvimento Econômico: Comissão Executiva traça metas para 2016

18/12/2015

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico de Camaçari (BA), Djalma Machado, em 2016, o Fórum irá encampar dois assuntos

Redator: Livia Palmieri, Editor: Bruna Lima / FNP

3cc3ea028ec2c5bc49d14fb381a9929f_XLIntegrantes da Comissão Executiva Nacional do Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Municipais de Desenvolvimento estiveram na sede da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), em Brasília (DF), nos dias 15 e 16 de dezembro, para alinhar o planejamento das atividades que irão desenvolver em 2016. Na programação do grupo esteve um encontro com o diretor-presidente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Guilherme Afif Domingos, nesta quarta-feira (16), para traçar, em conjunto com a FNP, as atividades do Fórum no próximo ano.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico de Camaçari (BA), Djalma Machado, em 2016, o Fórum irá encampar dois assuntos. “Em reunião com Afif Domingos, nós alinhamos propostas e ações que o Fórum irá implementar, com foco principal nas compras públicas e na implementação da Rede Simples”, falou.
Para que isso seja desenvolvido, o secretário-executivo da Agência de Desenvolvimento do Grande ABC, Giovanni Rocco, explicou que a estratégia é utilizar a estrutura dos fóruns. “Nós pactuamos que vamos escrever um projeto em conjunto com o Sebrae Nacional, que vai fazer interlocução com os estaduais e regionais”, completou.

Além do encontro com o diretor-presidente do Sebrae, o grupo esteve reunido para um balanço de 2015. Neste ano, com o apoio da FNP e do Sebrae, foram constituídos quatro Fóruns Estaduais: Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul, Pernambuco e Paraíba.

Dando continuidade ao planejamento para 2016, a FNP, o Sebrae e a Comissão Executiva Nacional irão traçar um plano de ação das atividades que serão desenvolvidas, no âmbito do convênio firmado entre as duas entidades, assinado no dia 9 de dezembro.

Essa parceria tem como objetivo ampliar e fortalecer as estratégias de fomento aos pequenos negócios locais e a melhoria do ambiente de negócios, além da realização do IV Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável (EMDS), já consolidado como o maior evento sobre sustentabilidade urbana do país.

 

 

Para ver a fonte da notícia, clique aqui.

Comentários

0 Seja o primeiro a comentar Adicionar novo comentário