MARANHÃO (MA): Avanços do Empresa Fácil são apresentados ao Conselho Deliberativo do Sebrae

05/09/2017
 
imagem_1504527270O presidente da Junta Comercial do Estado do Maranhão (Jucema), Sérgio Sombra, foi o convidado do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae/MA), para participar da reunião do Conselho Deliberativo da entidade realizada na última quinta-feira (31). Na oportunidade, ele apresentou os avanços da  Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim), sistema intitulado e criado pelo Governo do Estado de ‘Empresa Fácil’.
 
No encontro foram exibidos o quantitativo de municípios integrados ao sistema que já soma 173 cidades, assim como o nível de integração com órgãos licenciadores. Sérgio Sombra traçou, ainda, um panorama das melhorias dos procedimentos implantados pela Jucema e apresentou as metas do órgão previstas para os próximos meses.
 
“Nosso objetivo é atender às expectativas dos nossos clientes de um serviço bem executado, fácil, seguro e rápido. O ‘Empresa Fácil’ é o carro chefe dessas mudanças que implementamos para tonar o registro empresarial mais simplificado. São avanços que mudam a percepção dos clientes e mostram que  ele não precisa mais esperar por um serviço burocrático dos órgãos públicos”, explicou o gestor reforçando que projetos concluídos como a digitalização de todo acervo contaram com o apoio do Sebrae/MA.
O presidente da Jucema lembrou que o sistema já beneficia mais de 227 mil empresas no estado, o que representa um alcance de 93% da classe empresarial maranhense.  “Trata-se de uma meta estabelecida pelo governador Flavio Dino, que estamos empenhados em cumprir até final deste ano com a implantação do Empresa Fácil em todos os 217 municípios”, enfatizou.
 
Ao agradecer pela explanação, o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/MA, Edílson Baldez, ressaltou os avanços da Jucema e disse ser incontestável a melhoria dos serviços prestados pelo órgão. “Essas medidas tem um impacto positivo no dia a dia das empresas locais. Sabemos que são resultados fruto de uma gestão comprometida e capacitada”, enalteceu Baldez.
 
Fizeram parte da reunião membros do Conselho Deliberativo representantes do Sebrae Nacional, Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Energia (Seinc), Senai-MA, Federação das Associações Empresariais do Maranhão, Federação da Agricultura e Pecuária do Maranhão, Associação Comercial do Maranhão, Federação das Câmaras Dirigentes Lojitas (FCDL), Banco do Brasil, Banco do Nordeste e Ceape.
 
Para ler a notícia no fonte, clique AQUI.

Comentários

0 Seja o primeiro a comentar Adicionar novo comentário