Seis prefeitos piauienses concorrem na fase nacional do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

Resultado da etapa estadual foi divulgado na tarde de ontem (29)

Antônia Pessoa/Agência Sebrae de Notícias / PI
30/03/16

Prêmio-Sebrae-Prefeito-EmpreendedorO Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Sebrae no Piauí, divulgou na tarde desta terça feira (29) o resultado da etapa estadual do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, PSPE.

Os prefeitos e autoridades foram recepcionados pelo presidente do Conselho Deliberativo, Carlos Augusto Melo Carneiro da Cunha (Caú), e pelos diretores executivos do Sebrae no Piauí, Mário Lacerda, Delano Rocha e Ulysses Moraes.

A solenidade, que aconteceu na sede do Sebrae em Teresina, contou com as presenças do secretário de Administração e Previdência, Francisco José Alves (Franzé), que na ocasião representou o governador do Estado, Wellington Dias; dos deputados estaduais Themístocles Filho, presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Piauí, e Severo Eulálio; do superintendente do Banco do Brasil no Piauí, Pio Oliveira Júnior; do diretor de Assuntos Econômicos da Federação das Indústrias do Estado do Piauí, Fiepi, Freitas Neto; do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Piauí, Jailson Campelo; de prefeitos municipais, lideranças empresariais, convidados e imprensa.

Vinte e uma prefeituras piauienses concorreram na nona edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor: Arraial, Água Branca, Barras, Canto do Buriti, Cocal de Telha, Corrente, Dom Inocêncio, Elesbão Veloso, Floriano, Fronteiras, Ipiranga do Piauí, Monsenhor Gil, Monsenhor Hipólito, Monte Alegre do Piauí, Oeiras, Parnaíba, Paulistana, Pio IX, Regeneração, São João do Piauí e São José do Piauí.

Foram trinta e cinco projetos inscritos em sete categorias: Melhor Projeto; Implementação e Institucionalização da Lei Geral; Compras Governamentais de Pequenos Negócios; Pequenos Negócios no Campo; Inclusão Produtiva com Segurança Sanitária; Desburocratização e Formalização; e Inovação e Sustentabilidade.

O prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos, foi vencedor nas categorias Melhor Projeto e Pequenos Negócios no Campo. Em Implementação e Institucionalização da Lei Geral, quem levou o prêmio foi o prefeito de Monte Alegre do Piauí, Davinelson Rosal. O prefeito de Monsenhor Hipólito, Anísio Sousa, foi premiado na categoria Compras Governamentais de Pequenos Negócios.

Na categoria Desburocratização e Formalização, o escolhido foi o prefeito de Oeiras, Lukano Sá. Em Inovação e Sustentabilidade, o vencedor foi o prefeito de Parnaíba, Florentino Veras Neto. O prefeito de Água Branca, Jonas Moura, foi premiado na categoria Inclusão Produtiva com Segurança Sanitária.

A comissão julgadora foi formada por representantes do Banco do Nordeste, Banco do Brasil, Fiepi, Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Piauí, Fecomércio; Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí, IFPI; Universidade Federal do Piauí, UFPI; Universidade Estadual do Piauí, Uespi; e Tribunal de Contas do Estado do Piauí.

Os vencedores estaduais concorrerão na etapa nacional da premiação, cujo resultado será divulgado no dia 10 de maio, em cerimônia que acontecerá em Brasília.

O Prêmio Prefeito Empreendedor é uma realização do Sebrae com o apoio da Confederação Nacional de Municípios, CNM; Frente Nacional de Prefeitos, FNP; Frente Parlamentar das Micro e Pequenas Empresas; Movimento Brasil Competitivo, MBC; Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação, Ministério do Planejamento, Instituto Rui Barbosa, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Anvisa; Associação Brasileira de Municípios, ABM; Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil, Atricon; e Governo Federal.

Para ver a fonte da notícia, clique aqui.

 

 

 

Comentários

0 Seja o primeiro a comentar Adicionar novo comentário